Ascot Belle, de novo (Milton Lodi) | Jockey Club Brasileiro

Ascot Belle, de novo (Milton Lodi)

Ascot Belle, de novo (Milton Lodi)Here to Win

 

             Quando da liquidação total do clássico Haras Santa Ana do Rio Grande, uma das ganhadoras clássica de alto nível potencial genético foi exportada para o Uruguai. Seu nome é Ascot Belle, filha de um dos melhores garanhões importados para o Brasil em todos os tempos através do agente internacional Samir Abujamra, e que há muitos anos se mantém na liderança dos avôs maternos no Brasil, de nome Ghadeer. Esse Ghadeer, apesar de já ter morrido há alguns anos, é o pai de mães de melhor destaque no cenário brasileiro de todos os tempos.

O segundo nessa estatística de todos os tempos é Roi Normand, um norte-americano também importado para o Brasil pelo mesmo consagrado agente internacional Samir Abujamra. Um dos melhores filhos de Ghadeer foi Falcon Jet, brilhante corredor e de uma valentia incomum, com alto grau de espírito de luta. Pois foi uma filha dele, Ascot Belle, que foi exportada para o Uruguai. Quando ainda no Haras Santa Ana do Rio Grande, Ascot Belle produziu uma potranca filha de Roi Normand de nome Here to Win-fotos, que foi vendida antes de completar 2 anos de idade para proprietários noruegueses, que a levaram para a África do Sul. Here to Win apresentou uma especialíssima campanha nas pistas, foi líder de turma, venceu o Eqqus Award de melhor potrance de 3 anos e entre os seus principais êxitos estão dois Gr.1.

HereToWinVeryOne2012AC298Foi então exportada da África do Sul para os EUA e depois para o Japão. Lá, no início de sua nova fase, produziu o ótimo macho Satono Fire (Tapit). Seguiu produzindo bem e seu segundo produto foi a fêmea Satono Walkure (Deep Impact), com 3 anos de idade, que veio a vencer em Tóquio um Grupo 2 em 2.000 metros, o Oaks Trial. Essa campanha veio acrescentar ainda mais o prestígio da potranca, em meio a vitórias e colocações de expressão. Ascot Belle, filha de Falcon Jet em filha do norte-americano Fred Astaire, é uma das muitas pérolas produzidas pelo Haras Santa Ana do Rio Grande ( Bagé, Rio de Grande do Sul, Brasil).

Gostou da notícia? Compartilhe!