Silence Is Gold reina absoluta no GP Diana (G1) » Jockey Club Brasileiro - Turfe

Silence Is Gold reina absoluta no GP Diana (G1)

Após uma corrida abaixo do padrão Silence Is Gold de qualidade – entrou 4º no Possolo, quando apareceu com mais 17 kg, por seu treinador ter aliviado seus matinais no CT – a melhor potranca da Geração mostrou todo seu potencial na maior e mais importante prova para as fêmeas de 3 anos no mundo, o Grande Prêmio Diana (G1).

0A6A3242Se já era uma expoente entre as nascidas em 2014, agora com o triunfo no “Derby das Potrancas”, Silence Is Gold adicionou um selo de excelência definitivo não só na sua campanha nas pistas, mas na sequência, quando ingressar na reprodução. A carreira, em 2.000 metros, pista de grama pesada, foi a atração central da jornada deste domingo, 04 de março, no Hipódromo da Gávea.

0A6A3301Julio Cezar Sampaio e Carlos Lavor foram brilhantes em suas funções para a potranca do Stud São Francisco da Serra, de “Sir” Tony Ribeiro Pinto. Sampaio trouxe Silence Is Gold com menos 15 kg e tinindo. Carlos Lavor deu uma direção perfeita na ganhadora e coroou o importante dia do 1º aniversário de seu pequeno filho, Arthur, o bebê mais festejado da Tribuna dos Profissionais quando vem ao hipódromo e importante incentivo para Lavor manter a ótima forma e seguir lutando com jóqueis 15, 20, 25 anos mais novos que ele. Criação do Haras São José da Serra, que assim venceu as duas melhores carreiras do dia

Após a excelente largada, Lepate Goose pulou na frente, porém Firmeza engrenou forte e assumiu o comando das ações. Future Queen veio aberta e passou para segundo. Guanabara, Lepate Goose, Sea Dream, Silence Is Gold, Frutada, Fanciful, Etrusca, Per-Piacere, Aigua, Jolie Mabi, Irina Palm, Oops, Extraordinária e Betting Site vinham a seguir. Puxando um ritmo de acordo com a categoria das inscritas, Fimeza mostrava o caminho às adversárias. No quinto lugar, Silence Is Gold empurrava as rivais da frente, fazendo força.

No momento da decisão do icônico Diana 2018, Firmeza ainda era a ponteira, mas não mostrava força para vir até o final. Future Queen apresentou-se, mas o sabor da liderança se mostrou efêmero. Uma máquina de correr surgia embalada pelo meio da pista. Ajustada por Carlos Lavor, Silence Is Gold passou de viagem, pegou o primeiro lugar e não deu chance às rivais, mostrando sua enorme superioridade. Potranca de ótimo valor também, Sea Dream ainda tentou descontar sobre Silence Is Gold, em vão. O segundo lugar evidenciou a excelente potranca que Sea Dream é. Per-Piacere, Irina Palm e Future Queen fecharam o marcador remunerado.

Apresentada com a eficiência de sempre por Julio Cezar Sampaio, Silence Is Gold é uma 3 anos, filha de Agnes Gold e Olympic Firstclass, porFirst American, criada pelo Haras São José da Serra e defensora das sedas do Stud São Francisco da Serra. Na sua sexta vitória, todas nobres – GGPPs Margarida Polak Lara (G1), Mariano Procópio (G2), Francisco Villela de Paula Machado (G2), Adayr Eiras de Araujo (G3), e o Clássico Ministério da Agricultura (L.) -, Silence Is Gold parou os cronômetros em 2min03s17.

VEJA A GALERIA DE IMAGENS DO GP DIANA (G1)

0A6A3223 0A6A3228 0A6A3241 0A6A3242 0A6A3247 0A6A3258 0A6A3255 0A6A3274 0A6A3301 0A6A3333 0A6A3342 0A6A3344 0A6A3349 0A6A3347 0A6A3369 0A6A3357 0A6A3373 0A6A3378 0A6A3382 0A6A3384

por Fernando Lopes – fotos: Sylvio Rondinelli

Gostou da notícia? Compartilhe!