Panorama JCB » Jockey Club Brasileiro - Turfe

Panorama JCB

*Maior ganhador em atividade no turfe carioca, na contagem regressiva para alcançar 3.000 vitórias em sua carreira, somente no Hipódromo da Gávea – vale lembrar que em Cidade Jardim possui 36 vitórias, entre elas quatro GPs São Paulo – o heptacampeão da estatística de treinadores da Gávea, Venâncio Nahid confirmou que há a intenção dos titulares do Haras Doce Vale de levar Or Noir, recente vencedor da Copa ABCPCC Clássica Matias Machline (G1), à Argentina, em dezembro, para a disputa do GP Carlos Pellegrini (G1), no Hipódromo de San Isidro.

*O ótimo Taksim, de Carlos dos Santos, preparado por Cosme Morgado Neto, será um dos principais nomes do GP Paraná (G2) 2019.

Sempre produzindo excelentes matinais, Taksim correu apenas uma vez na pista de areia, em 2018, numa troca de raia, ganhando por mais de 17 corpos atrás. A turma era fraca e ele ganhou como tinha de ser, massacrando. 

*Já estão na Gávea os três novos alunos da EPT.

Ricardo Dornelles chega do Cristal, enquanto Juan Lemos (foto) e Vitor Espíndola desembarcam diretamente de Cidade Jardim.

Sorte aos novos garotos que agora se juntam aos aprendizes Will Xavier, Elton Nunes e aos demais alunos que formam a equipe da Escola de Profissionais do Turfe do JCB.

Ainda não há previsão de estreia para os três recém-chegados. 

*Christiano Oliveira planeja inscrever uma forte trinca de Julio Bozano no GP Duque de Caxias (G2).

Gaivina, Grandeza e Gana Forte trabalham na quinta-feira de manhã no CT Araras e, na parte da tarde, deverão ter seus addeds pagos para a tradicional carreira. 

*Bernardo Pinheiro segue brilhando em sua passagem por Kuala Lampur, na Malásia.

No final de semana, a bordo de Truson, o bridão carioca venceu a Selangor Gold Cup (G1), segunda etapa da Tríplice Coroa local, carreira em 1.600 metros, pista de grama.

Diferentemente do Brasil, na Malásia a disputa da Coroa é aberta para animais de todas as idades e realizada nas distâncias de 1.200, 1.600 e 2.000 metros.

Em seis semanas no país asiático, Bernardo já venceu 19 carreiras, entre elas esse G1 e mais quatro Listed Races.

*Hale Bop deu mais uma impressionante demonstração de poderio locomotor para conquistar a segunda vitória de sua campanha.

O castanho do Stud HRN mandou na prova desde a largada e, sem levar uma só chicotada de Vagner Borges cruzou o espelho com 2 ½ corpos à frente da segunda colocada, Hanna Gold.

Já se coloca como nome forte para o Linneo de Paula Machado (G1), em outubro, o potro treinado por Dulcino Guignoni no CT Vale da Boa Esperança.

*Aliás, um fato raro em dias de carreiras com cerca móvel de 12 metros.

Apenas Hale Bop (5º páreo de domingo) e na carreira seguinte, Olympic Impeachment conseguiram vencer entre sábado (10) e domingo (11), entrando a reta na frente e pela linha um.

*Admirável o trabalho do treinadorVictor Gomes com o animal Laver.

Sempre muito bem inscrito e apresentado em forma soberba, o filho de Jeune-Turc, que é de propriedade de Victor, venceu quatro de suas últimas seis apresentações, sempre de ponta a ponta e mostrando sobras na enturmação.

Manter um animal aos 7 anos em tão bom estado é para poucos.

*A principio, a ideia de Roberto Morgado Neto, após conversa com o staff do Stud Palura, é manter Hall Pass na milha e não “estica-lo” com vistas a participar do Linneo de Paula Machado. Aguardemos, pois…

*Quinta-Feira, 15 de agosto, é dia de added para o Grande Prêmio Duque de Caxias (G2), carreira em 2.000 metros, grama, para éguas de 4 anos e mais, e do Grande Prêmio Professor Nova Monteiro (G3), em 1.900 metros, areia, para produtos de 3 anos e mais, a serem realizados, respectivamente, em 25 e 26 de agosto, no Jockey Club Brasileiro.

por Fernando Lopes – fotos: Sylvio Rondinelli & Porfírio Menezes

Gostou da notícia? Compartilhe!