GP Cordeiro da Graça (G2): Texport segue dominante no quilômetro » Jockey Club Brasileiro - Turfe

GP Cordeiro da Graça (G2): Texport segue dominante no quilômetro

Confirmando o ótimo padrão mostrado em seu recente triunfo no Clássico São Francisco Xavier (L.), Texport voltou a impressionar com fácil vitória no Grande Prêmio Cordeiro da Graça (G2). A carreira, uma justa homenagem do JCB a uma das principais figuras do turfe no começo do século XX, foi realizada em 1.000 metros, pista de grama macia.

Após a partida, em que Ulrich Ralph pulou devagar, Nice Lady saiu na frente, mas rapidamente a tordilha New Prada assumiu o comando das ações. Abertos, Texport e Regal Daphne acompanhavam de perto a égua do Stud Everest. Nice Lady, Melhor Maneira, Gata Y Flor, I Believe That, Penelope Charming, Brutus, New Emperor e Ulrich Ralph vinham depois. New Prada seguia no comando das ações. Texport, em segundo, vinha muito fácil.

Na hora da decisão, New Prada logo mostrou que não tinha força para vir na frente até o espelho. Regal Daphne também logo renunciou à luta. Texport, apenas ajustado por Leandro Henrique, tomou conta da situação e, quando exigido por seu piloto, ficou claro que a luta seria pela dupla. Texport correspondeu plenamente e galopou sem ser ameaçado até o espelho. I Believe That atropelou para ser a segunda colocada, com Melhor Maneira, New Emperor e Gata Y Flor no complemento do marcador. 

Preparado em Friburgo, no CT Lost Love, pelo fenômeno Adelcio Menegolo – que ontem venceu dois Listeds no Tarumã, através de Golden Pacific (Haras Sweet Carol) e Dark Bobby (Stud Stabile Quintella) -,  Texport é um 3 anos, filho de Tiger Heart e Discreet Fun, por Discreet Cat, criado pelo presidente do Jockey Club do Paraná, Roberto Belina, e defensor da parceria entre o Haras Cariri PE e o Stud Sampaio, mostrando a força do turfe nordestino. Texport conquistou seu segundo êxito nobre na terceira vitória de sua campanha composta por quatro saídas. O ganhador parou os cronômetros em 55s40.

VEJA A GALERIA DE IMAGENS DO GP CORDEIRO DA GRAÇA (G2)

por Fernando Lopes – fotos: Sylvio Rondinelli

Gostou da notícia? Compartilhe!