GP Onze de Julho (G2): The Sister mostra força para o Roberto e Nelson G. Seabra » Jockey Club Brasileiro - Turfe

GP Onze de Julho (G2): The Sister mostra força para o Roberto e Nelson G. Seabra

Em atropelada irresistível, The Sister acaba de vencer o Grande Prêmio Onze de Julho (G2), trial para o GP Roberto e Nelson Grimaldi Seabra (G1), o tradicional “Brasil das Éguas”, sempre realizado no sábado da festa máxima do turfe nacional. A carreira, em 2.000 metros, grama, com dois metros de cerca móvel, foi a última atração do calendário nobre da ótima reunião de domingo, 18 de julho, no Hipódromo da Gávea.

Reza A Lenda mandou na carreira desde os primeiros metros, seguida por Idle Ways, Neusely,  Italian Party, The Sister, Oh My Got, Jabaquara Segunda e Zurich vinham depois. Dando uma partida longa, Oh My Got resolutamente tomou a dianteira na reta oposta, com Reza A Lenda e Iddle Ways no seu encalço. The Sister vinha nos últimos postos, esperando a hora decisiva para seu tropel.

No momento decisivo, Oh My Got seguia em primeiro. Iddle Ways passou para segundo e tentou dar caça à ponteira. Italian Party vinha em quarto, sem animar. Acionada por Valdinei Gil, pelo meio de pista, The Sister passou uma a uma de suas adversárias, tomou conta da situação e galopou sem ser incomodada para o espelho. Neusely veio formar a dupla de éguas treinadas por Guignoni. Reza A Lenda, Iddle Ways e Oh My Got finalizaram na sequência. 

Agora preparada por Dulcino Guignoni (já estava alojada no CT vale da Boa Esperança, aos cuidados de Ronaldo Marins Lima, que está de mudança para o turfe uruguaio), The Sister é uma 4 anos, filha de Agnes Gold e Fugazi, por Crimson Tide, criada pelo Stud Rio Dois Irmãos e defensora da tradicionalíssima e bela farda prateada do Haras das Estrelas. Na sua segunda vitória, a primeira nobre, The Sister cobriu os dois quilômetros em 2min01s70.

VEJA A GALERIA DE IMAGENS DO GP ONZE DE JULHO (G2)

por Fernando Lopes – fotos: Sylvio Rondinelli

Gostou da notícia? Compartilhe!