Domingo o JCB homenageia João Borges Filho » Jockey Club Brasileiro - Turfe

Domingo o JCB homenageia João Borges Filho

Joao Borges FillhopostNo próximo domingo, 02 de agosto, o Jockey Club Brasileiro, mais uma vez, através de uma prova de G2, para produtos de 4 anos e mais idade, em 2.400 metros, na pista de grama, homenageia João Borges Filho. Médico de profissão, vice-presidente do Jockey Club, João Borges Filho substituiu a Salgado Filho, quando da sua renúncia.

Inteligente, culto e preparado, João Borges foi um dos homens mais refinados de seu tempo. Uma de suas maiores criações, juntamente com seu colega Genival Londres, a Clínica São Vicente, centro de excelência médica no Rio de Janeiro. Exerceu por mais de 20 anos diversos cargos na Diretoria do Clube, foi feito benemérito e presidiu a entidade por seis anos e meio, no período de 1945 até 1952.

Carreira das mais tradicionais do turfe carioca, o GP João Borges Filho (G2), já foi vencido por alguns dos animais que escreveram seu nome na história do turfe como Sunset (80), (Waldmeister e Lá, por Mat de Cocagne), de Fazenda Mondesir, ganhador do GP Brasil (G1) de 1978. Radnage (88) (Campero e Kamayaana, por Roi Lear), do Haras Santa Maria de Araras, vencedora em 87 do GP OSAF (G1), em Cidade Jardim. Villach King (93), (Presente The Colors e Paris Queen, por Vacilante), do Haras Santa Maria de Araras, bicampeão do GP Brasil (G1) em 1991 e 1993. Fool Around (97), (Bright Again e So Beauty, por Ghadeer), do Haras Santa Maria de Araras, vencedor do GP Cruzeiro do Sul (G1), o Derby carioca, em 1997. Gigli (2002), (Clackson e Forza del Destino), Haras Tributo À Ópera/ Stud TTTT, derby-winner de 07.08.2005 - Jorge William - ESP - Grande Pêmio Brasil de Turfe, no Jockey Clube do Rio de Janeiro. ( 7º pàreo ). Vencedor, Marcelo Almeida montando o cavalo Velodrome07.08.2005 - Jorge William - Esp - GP  - Grand Prix Brazil - Brazilian  Jockey Club -  Marcelo Almeida riding Veldrome wins the race2002 ao levantar o GP Cruzeiro do Sul (G1). Velodrome (2005) (foto), (Booming e Licena, por Derek), do Haras Dar-El-Salam, que conquistou o GP Brasil (G1) em 2005. Time For Fun (2009 e 2010) (Yagli e Tarradine, por New Colony), Haras São José da Serra/ Stud Yatasto, que conquistou o GP Cruzeiro do Sul (G1) em 2008. 

Serão oito os participantes na versão 2020: Abu Dhabi (Haras das Estrelas); American Reason (Haras Praça XV); Galaxy Runner (Haras Sweet Carol); George Washington (Stud Happy Again); He’s Gold (Stud Pedudu); Mstraubarry (Stud Verde); Olympic Impact (Stud Habeas Corpus); e Pimper’s Paradise (Haras Doce Vale).

por Fernando Lopes – fotos: Livro Jockey Club Brasileiro 130 anos; Sylvio Rondinelli; e Internet

Gostou da notícia? Compartilhe!